Vendas - Mateada Podcast

Eu vendo. Tu vende? Eles vendem!

Prepare o seu elevator pitch, saiba como criar uma equipe comercial eficiente, conheça as ferramentas fundamentais para a área comercial e ouça a história do gatinho que motivou uma vendedora.

Ouvir

Prepare o seu elevator pitch, saiba como criar uma equipe comercial eficiente, conheça as ferramentas fundamentais para a área comercial e ouça a história do gatinho que motivou uma vendedora.

ATENÇÃO! Este podcast não está à venda.

Opa, tudo bonzinho? Nessa edição do Mateada Podcast, Denis Andrade, Carina Andrade, Bruna Cunha, Brunno Cardoso, Kayuá Freitas e Gustavo Paulillo falam sobre a área comercial, vendas e ferramentas para quem precisa fazer negócios.

Prepare o seu elevator pitch, saiba como criar uma equipe comercial eficiente, conheça as ferramentas fundamentais para a área comercial e ouça a história do gatinho que motivou uma vendedora.

Recados

Comentado no programa

Barbadas deste episódio

Opiniões e comentários

Envie sua mensagem sobre este podcast por e-mail para [email protected] ou envie uma mensagem de texto ou voz para o WhatsApp (51) 999-283-800

Assine o Mateada Podcast

No: Apple Podcasts | Spotify | Google Podcasts | YouTube | Email | RSS

Não sabe como assinar um podcast? Visite essa página e veja como fazer passo a passo.

Créditos

  • Edição completa por Radiofobia Podcast e Multimídia;
  • Podcast hospedado por Blubrry Host.
Escreva um comentário

5 comentários
  • Parabéns pessoal pelo programa. Pontuo muito bem o lado comercial e como ele é necessário pra todas as empresas. Gostei das dicas de ferramentas de produtividade.Sem estratégia e definição comercial morremos na praia. Ame ou odeie vendas…todos precisamos pensar nela. Long live Podcast

  • Ótimo programa. Parece que esses 15 dias não passava nunca, tá loco! Durante os trabalhos eu ficava rodando entre os podcasts do favoritos e cadê o ep 10 mateada? Até assustei qdo vi que já era dia 5 e tinha saído dia 30 do mês anterior! Agora é esperar mais esse tempão pro próximo 🙁
    …hehe, abraço!